25.4.06


talvez seja a falta de você que transitou-se em saudades generalizadas que obrigam a minha ansiedade a perceber que hoje é hoje e o tempo é realmente frágil, falso e não há t.s.eliot que me acalme. e que não é minha casa antiga, meus amigos passados, meu estabelecimento escolar formado, meus antigos amores e nem minha casa nova, nem meus amigos prováveis, minha profissão em andamento e meus notáveis amores, quê? indo assim, só me restará a flora e a minha incapacidade de síntese.

é só essa rinite passar que semana que vem voltarei ao lsd.

5 comentários:

marcos disse...

esperar a rinite passar? me poupe...

preciso te mostrar meu fotogatón! qualquer hora te agarro no corredor. (mas antes preciso tirá-lo da porta do meu guardaroupa...)

papel chama disse...

cheguei aqui através do Caetano (ao nó), textos lindos os seus.

Anônimo disse...

This site is one of the best I have ever seen, wish I had one like this.
»

Anônimo disse...

I really enjoyed looking at your site, I found it very helpful indeed, keep up the good work.
»

Anônimo disse...

Very pretty design! Keep up the good work. Thanks.
»

 

Free Blog Counter